Não trace objetivos sem entender a importância de Mente Sã e corpo São

Quantos objetivos você traçou para este ano? Provavelmente aquela lista de livros que estão em sua meta, a academia que você não irá faltar, talvez um novo emprego ou começar um novo empreendimento, guardar dinheiro para aquela viagem dos sonhos ou aquele carrão que você tanto deseja ou simplesmente ficar mais com os filhos e família.

Além de todas as metas pessoais, precisamos dar conta das responsabilidades do dia a dia, e talvez cuidar de tudo e de todos, mas  quem cuida da gente?

Desde 2014, a Campanha Janeiro Branco vem buscando chamar a atenção das pessoas para a importância de temas como “saúde mental”, “saúde emocional”, “psicoeducação”, “educação emocional”, “subjetividade humana”, “sentido da vida”, “relações saudáveis” e de tudo o mais que vise a promoção do bem-estar psíquico e da qualidade de vida.

Você cuida da sua paz interior?

Paz, calma, fé e alegria são pensamentos positivos essenciais para a nossa qualidade de vida e bem-estar, tanto físico quanto mental. Os bons sentimentos ajudam na homeostase dos nossos órgãos, gerando mais força, ânimo e energia para o dia a dia.

A frase em latim “Mens sana in corpore sano” foi dita por um poeta romano chamado Juvenal, durante o primeiro século antes de Cristo. Essa frase significa “mente sã em corpo são” .O corpo e mente estão conectados, influenciando um ao outro continuamente, seja para  as boas coisas da vida, ou para o mal.

A Medicina Tradicional Chinesa também ensina esta relação das emoções com os órgãos. Cada órgão possui uma emoção relacionada, afetando de forma positiva ou negativa em nossa saúde. Já não é novidade que práticas como acupuntura e meditação, também ajudam a manter uma saúde mental mais harmônica.

Mas para isso faz-se necessário dar pausas para diminuirmos a pressão interior, que no fundo somos nós mesmo que criamos e  nos impomos. 

“Segundo dados da Organização Mundial de Saúde – OMS, em 2019 o Brasil se tornou o país com o maior número de pessoas que sofrem de ansiedade – 18,6 milhões de brasileiros, o que corresponde a 9,3% da população – e 2020 é o ano em que a depressão será a doença mais incapacitante em todo o mundo”.

Aspectos da vida humana como: o biológico, o psíquico, o social e o espiritual devem nos alertar para um autocuidado e auto compreensão, pois somos seres sistêmicos, e isso implicará diretamente em nossa qualidade de vida.

Hábitos saudáveis como: boa alimentação, sono em dia, prática de esportes são essenciais para saúde mental. Não  há como separar a saúde mental dos cuidados corporais bem como do cultivo de bons relacionamentos sociais e da atenção com a sua espiritualidade. Mas as vezes só isso também não basta. Determinadas circunstâncias vão exigir ajuda profissional para alcançar um estado de equilíbrio, bem-estar e satisfação na vida, mesmo com todos  os desafios.

Sempre esteja atento a você mesmo, as suas auto necessidades, se for preciso pare, não hesite em procurar ajuda caso ache necessário, revise suas metas e divida em metas de curto prazo (1 semana), metas de médio prazo (1 a 2 anos) e metas de longo prazo ( de 5 a 10 anos), isso fará com que você não se pressione tanto por algo que possa ser inalcançável em um curto espaço de tempo.

E o mais importante: lembre-se que nosso corpo fala, reclama.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *